EU SEI...

Eu sei que o tempo passa...as palavras se vão. Olhamos para trás e percebemos os erros que cometemos inconscientemente e que muitas vezes nos enganámos no caminho.
Diria que o nosso gps nem sempre funciona ou na altura pensávamos que seria a melhor opção. Aborrece-me imenso quando falamos algo e as pessoas imediatamente nos julgam, tiram conclusões erradas de tudo o que dizemos, simplesmente porque não lêem como deve de ser ou não escutam.
   Todos os anos pedimos para que a nossa vida melhore. Será que ela não estará bem assim e nós é que exigimos demais?
Sei que todos temos uma missão a cumprir nem sempre bem sucedida. Quem somos nós para julgarmos? A vida nos corre nas veias devemos deixa-la fluir. O respeito connosco e com os outros é definitivamente regra a cumprir para que tudo se harmonize.
   Talvez precisamos de um milagre para salvar o mundo de hoje!
Eu acredito que as pessoas se cruzam por um motivo mas fico deveras magoado quando elas se afastam sem explicação ou motivo algum.
Quero com as minhas palavras transformar o feio em belo, o cinza em colorido, o adverso em momentos mágicos. Tantas vezes dou gargalhadas sozinho. Sorrio na rua para todos. Talvez achem que seja louco mas que importa o que acham? Se eles são uns tristes, fúteis. Pois... é que  eu não vivo escondido. O que é assim será.
  Eu sei que sou uma merda de sonhador que escrevo sem pavor, Perdoem-me se vivo no mundo. Perdoem-me por ser tolo.
  Eu sei que não valho nada e ás vezes valho tudo. Perdoem-me por ser eu.
As palavras contidas no coração são as mais julgadas. O ser humano tem de ser melhor que outro? Não pode ser igual? Que mundo este? É por isso que quem entende o mundo de outra forma, se isola. Tantas vezes procuro nos livros os sonhos...
Viajo pela imaginação, no tempo, aprendo novas coisas, divago sobre opiniões e não fico agarrado a máquinas.
  Eu sei que sou chamado de antiquado...mas com tanta gente com a mania e não vejo evoluírem em nada...
  Eu sei...que eu afinal até sei viver!

     
                                                Nuno Garcia 05/01/2015
                                          

Postagens mais visitadas