A Culpa Não é Do Celular




Por Osny Alves

Com a possibilidade de enviar muitas mensagens em um clique, a sociedade tem enlouquecido a si própria. O exibicionismo virou a modinha do século, crianças na idade de brincar de bola ou boneca ou melhor que isso, lerem um bom livro, se sujeitam a tirar selfies de seu rosto, de seu corpo, de suas intimidades, como se fosse algo normal é que o pudor fosse algo negativo e ultrapassado. O mais interessante é que isso tem atingido uma classe maior de pessoas, e temos visto jovens e adultos, fazerem a mesma coisa! Esses dias recebi no app do WhatsApp, uma anciã fazendo um filme, onde ela tirava peça por peça, até ficar totalmente nua, se insinuando tentando seduzir alguém do outro lado da tela de seu celular, a senhora beirava seus setenta anos de vida, e parecia insana, menos para quem fora daquele banheiro achava que ela seria a nobreza e retentora da moral e dos bons costumes. Ou o mundo quase todo enlouqueceu, ou fui eu que enlouqueci. Mas a verdade é uma só, a malícia e a falta de vergonha é contagiosa, bem como se fosse um vírus contaminando a tudo é a todos. Parecem zumbis, mortos-vivos, caminhando pela face da terra. Hoje é comum ver pessoas filmando a si próprias e seus parceiros realizando aos obscenos, escandalosamente e postando na internet, como se fosse uma simples foto de rosto. Fico pensando na coragem ou irresponsabilidade dessas pessoas, essa insanidade total que tem afetado o mundo, atravessando a moral da sociedade, sua fé no religioso, destruindo culturas e lares. Outro dia vi no celular de um colega uma menina que pedia para que a filmassem transando com diversos meninos, e dizia: - "olha aí fulano como é que se coloca chifre"... Penso eu que ela queria punir a si própria, pensando equivocadamente que estava punindo o namorado. Nossos celulares tinham que ter um tipo de filtro que recusasse nudes, filmes pornôs, pouca vergonha de idosos, adultos, jovens e crianças... Músicas que falam abertamente sobre tudo relacionado a sexo e crimes, dos mais hediondos. Em nossas escolas estão cheias de vídeos pornográficos que rapidamente viralizam e em questão de segundos tomam conta das redes sociais e na maioria dos casos quem liberou tais vídeos, foram as próprias "vítimas". É incrível como a inversão de valores se agigantou com imensa rapidez, tal qual como o mar de lama que devastou Mariana e outras cidades, ou como o Vesúvio que cobriu de larva cidades inteiras destruindo tudo o que com sacrifício foram criadas. O que é moral hoje em dia? E bons costumes? Ainda vamos ouvir que são uma espécie de animais em extinção. Nem tanto a Burca, nem tanto o Nude. Mantenhamos o equilíbrio. A sociedade já tem muito pecado e crime com que pagar, e quem vai pagar a conta são as crianças dessa geração e dos que estão por vir. Hoje o natural é o voyeurismo, exibicionismo, e tantas outras coisas que sabemos que o mundo entrou num caminho perigoso, um colapso sem volta.


Postagens mais visitadas